Sábado, 6 de Setembro de 2008

Radical

Parece que a cadeia inglesa de cinemas Picturehouse vai proibir a venda de pipocas nos seus cinemas. Esta medida foi adoptada depois de várias queixas dos seus clientes relativamente ao barulho e ao cheiro da dita guloseima, fazendo do cinema um lugar insuportável.

Pipoca é uma questão polémica. Muitas pessoas simplesmente odeiam pipocas e pediram-nos para que a empresa proibisse o consumo. E é exactamente isso que vamos fazer”, disse Gabriel Swartland, presidente da Picturehouse. Mas esta medida radical não se fica por aqui. Inspiradas por este acto, várias cadeias inglesas de cinemas vão também proibir a venda de pipocas nos seus estabelecimentos.

Isto das pipocas é um bocado complicado. Muitos são aqueles que dizem que cinema sem pipocas não é cinema. Muitos são aqueles que dizem que o barulho e o cheiro provocado pelas pipocas são um incómodo para quem quer ver um filme em condições. Eu sou um desses. Detesto pipocas. Numa sala com 300 pessoas, em que 60% estão a comer pipocas, o barulho torna-se insuportável. É o barulho a mastigar, a entornar pipocas ou a abanar o pacote para misturar as pipocas com o milho que não rebentou. Ouve-se mais o barulho de pipocas do que do próprio filme. Há pessoas que exageram, comendo as pipocas com uma tal sofreguidão que parecem porcos a comer lavadura. Isso irrita-me profundamente. Sou daquelas pessoas que vão ao cinema para apreciar o filme, em silêncio. Se não houvesse pipocas no cinema, estaria no céu! Já para não falar da maneira como uma sala de cinema fica no fim do filme, toda suja, porca. Será que é muito difícil meter pipocas na boca? Serão todos putos de dois anos que não sabem comer? Gostava de saber se em casa sempre que comem, também deitam metade da comida para o chão...

Mas também respeito quem gosta de comer pipocas a ver um filme. Cada macaco no seu galho, eu não gosto de pipocas, outros gostam. Gostos são gostos. Duvido que essa moda pegue. O consumo de pipocas representa uma fatia muito grande no lucro de um cinema. Nenhum cinema cá em Portugal, por exemplo, se atreveria a acabar com as pipocas. Trabalho num cinema, sei o quão importante a venda de pipocas o é. E mesmo as pessoas já estão mais que habituadas a associar cinema a pipocas. Adoram pipocas! Ficam boquiabertas quando vêem as ditas cujas a saltar das panelas como se aquilo fosse uma descoberta para o cancro. Mal se põe o pacote em cima do balcão, atiram-se às pipocas como quem já não come à dias, formando saliva no canto da boca.

E vocês que pensam? São como eu, ou não dispensam umas pipoquinhas quando vão ao cinema?

 

 

Se as pipocas servissem para isto, já era bem capaz de mudar de ideias... Oh se mudava!

Publicado por The Joker às 23:24
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
|
4 comentários:
De Marta a 7 de Setembro de 2008 às 01:18
Olá! Vim parar ao teu blog por acaso, mas não resisti a comentar sobre este tema tão importante para a sociedade portuguesa que é... pipocas no belo do cinema.

Eu também não gosto de comer pipocas enquanto estou a ver um filme. Não gosto, pronto. Pelo barulho, pelo ruminar, pelo termos de enfiar a mão pelo balde adentro e procurar as pipocas quando já estão quase no fim, é o ficarmos com as mãos todas peganhentas, é pelo barulho... enfim, por tudo e mais alguma coisa.

Para mim, cinema é uma coisa sagrada, é para se ver um filme e acabou-se. Mas respeito quem quiser comer no cinema... desde que não se ponham ao meu lado a entornar os belos dos baldes e a ramalhar as pipocas fazendo um barulho ensurdecedor.

Quanto a Portugal aderir à moda de acabar com as pipocas... acho isso pura e simplesmente impossível de acontecer. Está demasiado enraizado. Se não fosse nos cinemas, onde é que as pessoas iam passar a comer pipocas? Em mais lado nenhum! O que é preciso é que haja bom senso e não se incomode o resto da sala...

Bons posts! :)
De Filipe Coutinho a 7 de Setembro de 2008 às 11:38
Boas,

Bem, eu partilho de uma opinião diferente embora se assemelhe ao que descreveste. Por um lado adoro pipocas (é o meu vício) mas detesto que as pessoas façam um "basqueiro" insuportável a comê-las. Eu sei comer com calma e tento não incomodar ninguém com o pouco barulho que faço já que se torna impossível passar em branco nesse capítulo.

Em Portugal não irão banir as pipocas por uma simples razão: dinheiro. É aquilo que realmente dá dinheiro às salas de cinema propriamente ditas. Eu, pessoalmente, não gostaria que tal se sucedesse.

Abraço

http://cinemaismylife-fifeco.blogspot.com/
De The Joker a 7 de Setembro de 2008 às 13:29
Eu não tenho nada contra pipocas. Tenho sim contra o barulho. Há pessoas que sabem ser educadas, comem devagar, com calma saboreando a dita guloseima e não incomodando os outros. O problema é que essas pessoas são muito poucas. Muito poucas mesmo! A maioria são uns alarves! Não têm respeito por ninguém!
De Shrimps a 8 de Setembro de 2008 às 02:22
Epa eu adoro pipocas, eu trabalho num centro comercial e ainda há bocado depois de sair fui buscar essa iguaria dos deuses ...Quando vou ao cinema também não dispenso, já o barulho bem o podem levar :P...

Eu cá acho que deviam implementar medidas tipo as do tabaco, e meter o pessoal a comer á porta xD ou mesmo salas para comedores e salas para não comedores de pipocas !

Cumps!

Comentar post

.Do you wanna know how I got these scars?

.Pesquisar neste blog

.Junho 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Posts Recentes

. Rapidinha

. The Road- Trailer

. Momentos cinematográficos...

. Mega Shark vs Giant Octop...

. Trailer de Nine

. Star Wars vs Star Trek

. Surpresa de 2007

. Tomem lá seus Trekkies!

. Ganda Moca Meu!

. Why So Serious? Awards 20...

. Momento Infantil

. Dias de escuridão... Muit...

. Dias de escuridão...

. Eu adoro a Premiere, mas....

. Pelos vistos, Portugal é ...

.Arquivos

. Junho 2009

. Maio 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

.Links

blogs SAPO

.subscrever feeds